Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


My name is Jessie Bell

por Jessie Bell, em 25.11.11

 

Há demasiadas coisas que Jessie Bell esconde do mundo. Há demasiadas coisas que Jessie Bell esconde de si mesma. 

O forte que erguera sobre si mesma há muito que se tornara impossível de derrubar. Talvez apenas a música conseguisse ver pelas frestas da muralha empedrada. Talvez fosse apenas no momento em que os seus delicados, mas trôpegos, dedos percorriam as teclas do piano, que a sua essência se libertava. Um momento esquisito, esse. Quase mágico... Se apenas Jessie Bell ainda acreditasse na magia. Mas, não:

Jessie era seca e fria e nunca sabia o que dizer nos momentos em que as palavras seriam a ação primordial. Em vez, o seu desajeito para com as palavras ditas tomava conta do seu ser, enquanto a sua mente analisava ao pormenor cada movimento, cada reflexo...

A complexidade do seu ser há muito que a tinha ultrapassado e agora, tudo o que lhe restava,  era esperar que, com o vento, o futuro lhe trouxesse alguém que visse algo mais em Jessie Bell, para além do seu sorriso de vidro. 

 




(Este blog é privado. Para o poderes ver aconselho-te a deixares neste post um comentário a dizer que me vais seguir e o porquê de o fazeres. Apenas se gostar do conteúdo do teu blog é que o vou seguir e, caso não ponhas aqui os pés depois de eu te seguir de volta, deixar-te-ei de seguir instantaneamente.)

 

 


Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


You told me I was like the dead sea. You never sink when you're with me.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Posts recentes